Ensaio sobre ética e mercado

Temos que acreditar na importância da ética e de quão fundamental é a sua aplicação para tornar a nossa evolução, traduzida através de metas e lucros saudáveis, em algo possível e desejado.

             Sabemos que o mundo dos negócios é muito competitivo. Isso impõe um ritmo alucinante para o cumprimento de metas, prazos, lucros e muitos outros indicadores que se fazem necessários para a sobrevivência ou até mesmo a promoção de profissionais e empresas. O que essa globalização, através da nova economia, apresenta é o “ampliar de uma grande falha de caráter social” que vivia de maneira enraizada, ou até mesmo, subliminar nas pessoas. Não podemos atribuir as questões éticas apenas às empresas uma vez que são pessoas que as formam.

             Hoje, observamos o aumento de escândalos envolvendo decisões que fogem por completo à ética, o que vem trazendo muito prejuízo e insegurança para a grande parte da população. Estamos vivendo uma grande época de ruptura e isso está tão evidenciado e disseminado que ser ético virou um grande diferencial competitivo. Um pré-requisito que deveria ser algo corriqueiro e padrão tornou-se um grande fator-chave em contratações e escolha de produtos. Podemos observar que dentro da seara empresarial, o comportamento do marketing, muitas vezes, está em encontrar os fatores de destaque da empresa e dos produtos para evidenciar e gerar mais lucro. Muitos destes são posturas éticas fincadas em Responsabilidade Social Corporativa e suas vertentes como a sustentabilidade.

             De certa forma, essa postura mercadológica ressalta que há um clamor social pelo resgate da ética. Precisamos entender que a ética nos negócios é fundamental e constrói uma certa base de sustentação social. Não há progresso sem ordem e ética é, também, ordem. A nossa evolução enquanto profissional, empresa ou até mesmo sociedade passa diretamente pela conta da ética.

             Sabemos ainda que, embora este seja um tema amplamente debatido, é pouco compreendido e aplicado. Devemos começar a seguir o conselho do exercício diário. Este começa com a aplicação da ética em nós mesmos, uma vez que somos a chave da grande mudança. Voltamos sempre ao começo: “o que eu estou fazendo de errado?”; “Quem eu estou afetando com minhas condutas?”; “Como isso está ocorrendo?”

             Ratifico uma vez mais que as empresas e seus valores são o somatório das posturas, valores e atitudes de um conjunto de pessoas: nós! Temos que acreditar na importância da ética e de quão fundamental é a sua aplicação para tornar a nossa evolução, traduzida através de metas e lucros saudáveis, em algo possível e desejado.

Compartilhe este artigo:
Newsletter
Cadastre seu e-mail e acompanhe nossas notícias e novidades
Tel.: +55 (84) 3345.1242 / 9 8164.6363
E-Mail: lemont@lemosemontenegro.com
Endereço: Av. Rui Barbosa, 1868 - Ed. HC Plaza, Torre 2 - Loja 608 - Lagoa Nova - Natal- 59.056-300